"Acreditamos em “terroir”, acreditamos na montanha, no mar, no sal e na pedra."

ENTRE PEDRAS

Acreditamos que o Pico é vinha, uva e vinho!

Acreditamos na viticultura surreal, heroica e quase a tocar o impossível. Acreditamos numa viticultura forte, pensada, feita pelas mãos, e sobretudo, acreditamos que o vinho se faz na vinha.
A viticultura Picarota só foi e é possível entre pedras e entre muros erguidos pelos antepassados, que ao longo de cinco séculos realizaram um esforço surreal. Foi nas dores de costas de partir, sobrepor, descolar, amontoar pedras e pedrinhas, calhaus e
rochas que foi possível moldar a paisagem do Pico. Um povo que é tão teimoso como pedra, e que ainda hoje, apesar das baixas produções e dos constantes desgostos do ano, continua a trabalhar e a recuperar as vinhas. Verdadeiros museus vivos, estes permanecem em pé mesmo após erupções, tempestades e sismos. Tal como o povo
Picaroto, teso da verga!

Enologicamente falando há pouco a dizer, pensamos muito e fazemos pouco. A uva é escolhida na vinha, posta numa câmara de frio e posteriormente prensada numa prensa vertical… temos mosto! O mosto é passado com as borras finas para inox ou barricas usadas. Com a confiança do trabalho feito na vinha e na vindima, a fermentação ocorre
por si com temperatura controlada e com as nossas leveduras indígenas…temos vinho!
Acreditamos no estágio em garrafa, e não há melhor local para esse estágio que a própria vinha… é verdade, o vinho volta à vinha! Neste caso volta para de baixo dela, para uma gruta, tão natural como o próprio vinho. E é lá que vai passar um ano, no basalto… entre pedras!

Acreditamos que tudo o que fazemos é “terroir” e que o sentir é mais importante que o fazer. É esta a nossa filosofia, somos mais que tudo vinhateiros, pessoas que trabalham a terra pedra! Só há um objetivo, apesar de humilde, é o de vos fazer chegar a casa, o mar, o sal, a pedra e a montanha.
Acreditamos…

Entre Pedras vinho dos Açores

2019

Entre pedras branco

500 Garrafas produzidas

Variedade: 100% Arinto dos Açores (Casta autóctone dos açores, importante não confundir com Arinto do continente)
“Solo”: Basalto
Data de vindima: 7 Setembro

Localização da vinha: Bandeiras
• Altitude media ao nível do mar: 47metros
• Distância ao mar: 560 a 710metros
• Distância ao topo da montanha:>11km

Analises químicas:
• Álcool:12%
• Acidez total:7,3gr/L
• Açucar residual:0,5gr/L
• Sulfuroso:<40 Total

Entre pedras 2019
2020

Entre pedras branco

1500 Garrafas produzidas

Vinhas Velhas > 60anos com >90% Arinto dos Açores, Boal, Verdelho dos Açores, Terrantez do Pico (Castas autóctone dos açores, importante não confundir com as do continente)
“Solo”: Lajido de Basalto
Data de vindima: 29 a30 Agosto

Localização da vinha: Criação velha
• Altitude media ao nível do mar:12metros
• Distancia ao mar:100 a 700metros
• Distancia ao topo da montanha:>13km

Analises químicas:
• Álcool:13%
• Acidez total:6,6gr/L
• Açucar residual:1,1gr/L
• Sulfuroso:<100 Total

Entre pedras 2020

Faça Parte do Clube Tinto Cão
Ofertas Exclusivas, vinhos exclusivos, formação, eventos

Whatsapp ou Telegram